sexta-feira, 20 de julho de 2018
Oi pessoal, mais um vídeo da playlist de reflexões que eu criei coragem e comecei! Não gosto muito de entrar em discussões, criar polêmicas e tal, mas acho importante repensar conceitos, não é porque algo é dito ou feito há muito tempo que está correto. Nesse vídeo resolvi discutir um pouco sobre estereótipos e se dá para ser feminina e sensual com cabelo curto, apego com cabelo e mostrei como era meu cabelo compridão, não deixem de assistir e dar a opinião com amor e educação de vocês!
Não esquece de dar o like, ajuda muito na divulgação do vídeo e crescimento do canal!

Sempre tive cabelo grande e sempre que cortava pedia para tirar bastante do comprimento, mas o máximo que cheguei a cortar foi um chanel na altura do ombro. Meu sonho era cortar bem curto, que não desse nem para prender, mas nunca tive coragem. Quando eu falava que queria cortar joãozinho (ou pixie para os mais modernos hehe) ouvia que eu ia me arrepender, se eu não gostasse ia demorar pra crescer, que meu cabelo era lindo e cortar curto ia estragar, blá blá blá...
Depois da minha formatura resolvi que ia cortar mais curto e pronto! Já não aguentava mais aquele cabelo grande embolando em mim, sempre prendendo por causa de calor no pescoço, não me achava mais bonita, não gostava mais daquele cabelo então se eu não gostasse dele curto não faria diferença. Foi aí então que cortei na altura da boca mais ou menos, tem até vlog desse dia!
Mas não fiquei satisfeita, amei o cabelo e foi uma transição para o que eu realmente queria que é o cabelo que eu tenho hoje, acho que se tivesse pulado direto para esse corte eu ia demorar pra me acostumar.
Hoje em dia não importa como o cabelo está, eu me olho no espelho e amo o que eu vejo, amo esse cabelo e acho que combina muito comigo, o cabelo grande me escondia, não refletia quem eu sou, ou talvez refletisse a menina frágil e extremamente preocupada com a opinião dos outros que eu era.
Meu primeiro receio foi as pessoas acharem que eu era lésbica por causa do cabelo, mesmo uma coisa não tendo na a ver com a outra, sexualidade não está relacionada ao cabelo! E se as pessoas acharem isso, não posso fazer nada, muito menos me preocupar.
Um estereótipo de mulher de cabelo curto que eu acho válido é sobre ter atitude, opinião forte, afinal o "padrão" é mulher ter cabelo longo.
Com o passar do tempo comecei a trabalhar na minha cabeça e me importar menos com o que as pessoas pensam de  mim, com a opinião que elas vão ter, nem sempre é fácil, mas sigo trabalhando!

Falei mais um monte de outras coisas no vídeo, aqui no post estou resumindo, então não deixem de assistir, dar o like, se inscrever no canal e divulgar para todo mundo!
Então é isso, até o próximo post!

0 comentários:

Quem sou eu

Minha foto
Farmacêutica, blogueira, youtuber, mineira de Juiz de Fora, apaixonada por maquiagem e dividir experiências!

Pesquisar

Todas as postagens

Youtube

Facebook

Tecnologia do Blogger.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...