sexta-feira, 13 de novembro de 2020
Oi pessoal, outro dia estava olhando umas fotos guardadas no HD, vi alguns cabelos que já tive, uns que repetiria, outros que arrependi. Juntei algumas fotos para mostrar para você, agora que resolvi deixar meu cabelo crescer!




Quando eu era criança tinha o cabelo curto, variando de bem curtinho, com franjinha bem tijelinha a médio, tive bem grandão por um tempo também, mas sempre cortava deixando médio, no máximo chegando ao ombro.

Durante a adolescência variei de comprido (no peito) a médio (nos ombros), flertava com o curto mas não chegava a cortar. 
Meu ex-namorado me desencorajava a cortar curto já que ele não gostava, alguns familiares falavam que cabelo curto me envelheceria, sempre ouvia coisas ruins que me faziam desistir.


Deixei o cabelo grande até a formatura da faculdade, então cortei. Gostei, mas não amei, foi o mais curto que tive até aquele momento.

Daí em maio de 2017 me libertei e fiz o corte dos meus sonhos: o pixie (joãozinho). Me encontrei nesse cabelo, me sentia maravilhosa, livre. 


Nesse mesmo ano comecei a pintar, tentei várias cores, mas as minhas favoritas são morango (4460) e borgonha (426) , uso Casting Creme Gloss. As cores ficam bem nítidas no sol, dentro de casa mal aparece, fica bem sutil.

Tanto a cor quanto o corte tem suas fases, logo o cabelo cresce, vai desbotando... Quem acompanha o canal ou me segue no Instagram vai vendo essas mudanças. Começa bem curto, aí vai crescendo, eu vou fazendo topete, até não dar mais.



A cor eu retoco fazendo banho de brilho, uso a Vermelhô da Lola Cosmetics ou a Máscara Vermelha Red Desire Bortoletto Professional.
Em maio de 2020 fiz o último corte no salão (barbeiro na verdade) e decidi deixar crescer. Cansei de escutar que cabelo curto não era feminino, homem não gosta de cabelo curto, ah mas seu cabelo era tão lindo! Ouvir isso não me fazia querer deixar crescer, muito pelo contrário.

Mas esse ano cansei dele super curto, queria ter feitos umas loucuras capilares durante a quarentena e não tinha cabelo pra isso, quero testar outros cortes, mas não  quero deixar ele muito comprido.
Nunca gostei de ter cabelo muito longo, cai muito, dá trabalho e acabo deixando mais preso que tudo! É bem provável que depois que o cabelo crescer e eu aproveitar ele assim, eu volte para o pixie.

Como eu disse, flertei com o cabelo curto por anos, mas não estava pronta ainda, o cabelo médio/comprido é o comum, não chama atenção, qualquer coisa é só prender. O cabelo super curto é o contrário, você fica em evidência, chama a tenção, não dá pra se esconder. ~
Amo esse corte, a costeleta bem arrumadinha, o cabelo bem batido, quase raspado, acho forte. 
Cansei de ouvir o que achavam que ficaria bom em mim, eu tenho que gostar do que vejo no espelho, a opinião dos outros não pode ditar o que eu devo fazer, como eu devo ser. No fim, eu que vivo nesse corpo, que me vejo no espelho e gosto ou não.

Não me arrependo de ter cortado curto, mesmo a transição para um cabelo menos curto sendo difícil. Até poder arrumar, fica muito feio, sem forma, sem corte, desarrumado e difícil de arrumar mais ou menos. Saudade de não precisar fazer nada, mas quero deixar crescer, ressignificar o cabelo. Quando penso no meu cabelo maior, lembro da menina insegura, escondida no cabelo que não chamava atenção, que dava mais atenção para a opinião dos outros dos que a própria. Cabelo é auto estima, identidade.
E cabelo cresce!!!  Nunca entendi o apego ao cabelo, a super valorização do cabelo feminino grande. Nunca me senti tão feminina e bonita do que com meu pixie!
Vamos ver como vai ser, o quanto vai crescer, quando vou poder ter um corte de novo! hahaha
Esses foram os cabelos que eu tive, nada muito radical na verdade, me contem das loucuras capilares que vocês já fizeram!
Beijos e até o próximo post!

1 comentários:

Fernanda Occhioni disse...

Oi Débora!
Eu super te entendo! Cortar o cabelo curto sendo mulher é um ato de revolução! Não entendo por que as pessoas se incomodam tanto, principalmente as outas mulheres... enfim, também cortei e estou me sentindo ótima!
E você fica linda com o cabelo curto! Parabéns!!!
Um abraço, Fernanda Occhioni

https://fernandaocchioni.blogspot.com/

Quem sou eu

Minha foto
Farmacêutica, blogueira, youtuber, mineira de Juiz de Fora, apaixonada por maquiagem e dividir experiências!

Pesquisar

Todas as postagens

Youtube

Facebook

Tecnologia do Blogger.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...